15 de abril de 2014 Por
9 Em Reflexões

Os meninos nunca crescem.

Assim é a vida.

Foto-14Com a chegada da copa do mundo, o Brasil passa a ser o centro das atenções.

E quem está super empolgada com o evento é a garotada, com os álbuns de figurinhas, distribuídos gratuitamente aqui na Áustria, nas bancas de revistas, supermercados, lanchonetes e postos de gasolina.

Só que para a minha surpresa não só os garotos, adolescentes, que se encantam com o assunto.

Hoje, voltando do almoço, encontrei marmanjos entre seus 30 e 45 anos com exemplares. Um deles, inclusive, pai.

Tomei um susto e achei que o álbum era para o filho, mas para meu espanto, não!

Os adultos também são adeptos da brincadeira.

Um delespeterpan 1  inclusive enfatizou e disse que o filho já ganhou um e que aquele era o seu; ou seja, cada qual com o seu.

E a brincadeira começa.

Muito divertido observar tudo isso.

Aí  veio a minha cabeça a frase que diz que os meninos não crescem.

Mas … pensando um pouco, vejo que as meninas também não.

Adoramos coisas como cores, sapatos, roupas, bolsas e bonecas.

As bonecas mudam quando passamos a ter filhos ou especialmente filhas.

Brincamos de casinha, que na vida adulta se transforma em “casona”.peter- sininho

E a brincadeira continua para muitas, especialmente para aquelas, que resolvem encarar a vida com prazer.

Já quem deixou sua criança crescer e vira só adulto, encara a vida como um problema e um peso a ser carregado.

Realmente é um peso e muito mais complicado quando se enfrenta problemas financeiros ou de saúde, mas se não temos essas dificuldades, porque não encarar a vida com leveza?

E se as temos, porque não focar nas outras coisas boas que a vida ainda oferece? Mas se você, mesmo assim, acha que não as possui, então observe um pouquinho mais e você irá encontrá-las.

Aí cheguei a conclusão de que continuar alimentando a nossa criança interior tem suas vantagens e chega a ser fundamental para nos fazer mais felizes.

O “fardo” é mais leve.

Se você anda meio amargo ou carrancudo demais, leve  sua criança  interior para passear, dançar ou tomar um sorvete.

Ou quem sabe até pegue ou compre um álbum de figurinhas.

Porque a vida adulta, o tempo todo, cansa e frustra.

Cuide sempre de você e da sua meninice.

 

peterpan

Bjs

Texto: Kely Martins Bauer  / Revisão: Cinthia Stylianou

Foto: Internet. Se alguma foto for sua e você deseja que ela seja creditada ou removida, por favor entre em contato. Iremos atender sua solicitação o mais breve possível. Obrigada.

kely Pelo Mundo

Veja também

9 Comentários

  • Reply
    Ana Paula
    15 de abril de 2014 at 8:47 pm

    Eu curti demais esse texto! A criança lá de casa (o maridão) ganhou seu exemplar do álbum da Copa (dado por mim), e todo animado, cola as figurinhas!! No app acompanha quais as que faltam pra ele completar o álbum (santa tecnologia!). Mas para não perder o costume do bom e velho hábito das antigas, ele troca as figurinhas com os meninos em baixo do bloco e o interfone não para! kkkk

  • Reply
    Iana Leite Martins
    16 de abril de 2014 at 11:17 am

    Tenho dois filhos vidrados em futebol e uma menina que sempre que tem oportunidade joga com os amigos. É uma boa ideia, álbum de figurinhas, para eles já ficarem por dentro dos acontecimentos da Copa. Vou presenteá-los e observar a reação deles e participar desses momentos únicos trocando figurinhas e novas ideias.

  • Reply
    Lucia Castelo Branco.
    16 de abril de 2014 at 12:15 pm

    Coisa maravilhosa é manter viva a criança que existe dentro de nós: comer chocolate quando tiver uma raiva, abraçar aquele ursinho de estimação quando ficamos carentes e, especialmente, pedir colo quando as atribulações da vida nos tratam como adultos. Gostamos mesmo de ser crianças e os nossos álbuns de retratos de uma vida toda não passam de maravilhosos álbuns de figurinhas. Só que de figurinhas sempre amadas…

    • Reply
      Kely Martins Bauer
      25 de abril de 2014 at 8:49 pm

      Mamy
      hhahah isso mesmo! Devemos cultivar o hoje para termos boas lembranças amanha.
      beijos
      K.

  • Reply
    Delma
    16 de abril de 2014 at 1:17 pm

    Gostei, vou procurar a minha criança que ficou lá no passado e tentar resgatar um pouco daquela menina sonhadora! Beijos

    • Reply
      Kely Martins Bauer
      25 de abril de 2014 at 8:46 pm

      Olá Delma, isso mesmo, cuide da menina sonhadora e realize os sonhos dela.
      Beijos
      K.

  • Reply
    Salima Maia Oliveira
    16 de abril de 2014 at 4:37 pm

    Amei o texto !!

  • Deixe um comentário