23 de novembro de 2014 Por
1 Em Reflexões

Cenas da vida privada – O salto

FullSizeRenderQuem nunca passou vexame, escorregou do salto, teve aquela situação inesperada e embaraçosa?

Você se considera imune!? não se preocupe, ainda vai chegar seu dia.

Meu primeiro vexame foi aos 14 anos, estava linda, maravilhosa de salto e pronta para entrar no carro e ploft. Estabaquei na frente do menino mais lindo da escola. Affff que vergonha!

Anos depois, já na faculdade, ainda fazia ballet e um paquerinha, que eu era apaixonada, foi ver minha apresentação. Estava eu dançando suavemente, quando fui dar um salto e … putz no momento em que as pernas desentrelaçam no ar, senti meu pé batendo em parte do cenário, a platéia suspirou tensa e ploft um pato de cerâmica, que compunha a cena, se despedaçou no chão, fazendo um barulho estrondoso… E eu!? Ah eu continuei a dançar, afinal pelo barulho só foi um lenço… (risos).

Os anos se passaram e não lembro de outras situações como essa… até vir morar em Viena.

No começo, eu, brasileiríssima, só andava de salto, minha gente… isso é coisa do passado, mas por algumas vezes fiquei com o pé preso nas pedrinhas da principal avenida, mas não era a única, já vi várias mulheres na mesma situação ridícula.

Imagine você andando e de repente o seu pé sai do salto, o sapato FICA preso entre as pedras e você tem quer voltar descalça e puxar-lo do buraquino. A cena é constrangedora. Você, linda e arrumada, se agachando para puxar os sapatos.

Mas isso melhorou, Viena passou por uma reforma e tiraram, para nossa alegria, as pedras do caminho.

Dai depois chegou o inverno. Gente! o que tem gente escorregando pelas ruas é incrível. Isso porque gelo escorrega né? Então a melhor época pra ver as cenas comédias é quando ainda está frio e fica só as placas  de gelo. E ás vezes um pouquinho já é o suficiente para perder o equilíbrio. É engraçado ver as cenas, mas pode ser muito perigoso também.

Só que eu não sabia dessa coisa toda de escorregar.  No primeiro inverno fui para o curso de alemão, desci do onibusinho e 3 passos depois …. estava eu estatelada no chão. Cai tipo jaca. Foi o primeiro de alguns tombos nas belas avenidas de Viena. Você que acha que inverno é só glamour!? venha passar uma temporada pra você entender a vida como ela é. (risos)

Mas depois disso cai outras vezes também, mas o primeiro escorregão é inesquecível. Há quem diga que apenas balançou, mas eu duvido porque todo mundo tem seu tombinho no gelo é ou não é?

No ano passado tive mais um experiência. Amo uma Bota que comprei há uns 5 anos. De tão querida, já levei pro Brasil para trocar o zíper. Até tentei mandar para o conserto por aqui, mas sairia uma fortuna, quase o preço de uma nova e desisti. Levei pro Brasil e troquei tudo: o salto e o zíper, pela metade do preço e por um serviço bem melhor.

Daí, ano passado a bichinha esgarçou os dentes, mas ainda insisti em trabalhar com a danada. Ela se comportou direitinho, mas eu, esquecendo do episódio, fui passear pelas ruas e experimentar umas roupinhas. Tirei a bota, mas depois na hora de calça-lá, o ziper estorouuuu de tal maneira que foi impossível arrumar.

Já era final de expediente do comércio e não podia nem comprar outro calçado porque aqui, deu 1 minuto antes do fechamento os funcionários das lojas avisam que o expediente acabou e te pedem para você se retirar, pros desavisados chega a ser constrangedor.

Conclusão, voltei pra casa com a bota presa amarrada na meia, rs. E pra finalizar, em setembro desse ano, sai rapidinho pra comprar umas coisas quando, de repente, vejo o solado de um das  minhas sapatilhas descolando quase por inteiro, deixando só um pedacinho da frente! O jeito foi arrancar o solado e ir correndo pra casa. A sorte é que tinha um outro soladinho fininho por baixo. Me recusei a procurar outro calçado, já que estávamos nas últimas semanas da estação quentinha.

Mas como disse, todos nos estamos sujeitos a situação ridículas que independem de nós.

IMG_3456E como não sou a única, recentemente duas amigas chegaram no escritório com saltos quebrados. A cara de indignação é a melhor. Não é mole não, sair mancando pela cidade!

Mas calma lá! Isso acontece mais do que pensamos. Não importa se o sapato é mega chic de caro ou baratinho do chinês. É só olhar os “acidentes” nas passarelas… Então estamos todas sujeitas a cair do salto, escorregar no gelo ou ter o solado descolado.

E você tem história pra contar!?

Beijos e até a próxima.

IMG_9508

Olha o solado do sapato! Tá vendo ali atrás onde está a árvore!? o piso era todo assim, trocaram, mas ainda dá ter o sapato preso

 

 

 

Texto: Kely Martins Bauer / Revisão: Cinthia Stylianou

O conteúdo desse Blog pode ser reproduzido, desde que a fonte http://www.femmevoltatil.com seja indicada.

Fotos: Kely Martins Bauer e internet. Se alguma foto for sua e você deseja que ela seja creditada ou removida, por favor entre em contato. Iremos atender sua solicitação o mais breve possível. Obrigada.

kely Pelo Mundo

Veja também

Comentários

  • Reply
    Jackeline
    25 de novembro de 2014 at 7:42 am

    Princesa Kely destruidora de sapatos!!!! Kkkkkk

  • Deixe um comentário